QUINTA, 11 DE FEVEREIRO DE 2016
Vale Verde Parque Ecológico estimula os animais com atividades de enriquecimento ambiental

Mais do que um empreendimento turístico, o Vale Verde Parque Ecológico vem se destacando cada vez mais como modelo de preservação de espécies e educação ambiental. O reconhecimento do trabalho resultou na recente participação em ações com universidades, Polícia Florestal, Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), Instituto Estadual de Florestas (IEF) e várias outras instituições que compõe a rede de proteção ambiental.

Todos os animais do Parque Ecológico recebem cuidados médicos, infra estrutura e excelente alimentação, mas nem sempre tudo é entregue de bandeja. “Claro, temos toda a preocupação com a alimentação balanceada de cada espécie que abrigamos, mas os animais possuem instintos naturais, que os ajudam na busca por alimentos. Em ambientes controlados, mordomia demais é prejudicial para o bicho, e por isto eles precisam ser estimulados através de atividades de enriquecimento ambiental”, explica o Biólogo do Parque, Ramon Palhares.
Na prática, o enriquecimento ambiental busca colocar diversos estímulos no ambiente dos animais, de forma que desafie e exercite seus instintos, diminuindo o estresse e melhorando seu bem estar. No Vale Verde, por exemplo, os animais estão recebendo diariamente os alimentos fechados dentro de móbiles e bambus ou escondidos no espaço que habitam, de forma a incentivar as aves a usarem suas habilidades. “O bico das aves é uma ferramenta extremamente forte e fundamental na sobrevivência destes animais, e ele precisa ser constantemente usado, exercitado. Por isso, colocamos a comida fechada em bambus ou congelada, de forma que eles precisem usa-lo para abrir, quebrar e raspar estas superfícies para se alimentarem. E assim como na natureza nenhum galho ou árvore é igual à outra, nós então tomamos o cuidado de colocar essas estruturas em poleiros diferenciados, que exigem do animal equilíbrio e um gasto maior de energia”, conta Ramon.
Caça ao tesouro


Assim como as aves, o macaco-aranha Carlinhos também não tem moleza. Na sua atividade de enriquecimento, a equipe de cuidadores prepara um delicioso banquete, que é fechado em uma caixa com feno e pendurada no seu espaço de vivência. Para chamar a atenção de Carlinhos, a equipe coloca ainda um ingrediente especial: ervas aromáticas que vão despertar seu olfato e guia-lo na busca da sua refeição.
“Ao perceber que tem algo novo no seu espaço, mas não sabe ainda exatamente onde, ele vai precisar confiar no seu olfato e procurar, estimulando sua atenção. Além disso, o Carlinhos possui uma cauda preênsil que é um membro extremamente importante para se pendurar e locomover. Ao colocarmos seu alimento em locais de difícil acesso e com obstáculos, exigimos que ele use toda sua habilidade, se exercitando e gastando energia”, explica Ramon.

Mas com essa trabalheira toda para os bichos, será que eles aprovam? Segundo Ramon, é sucesso absoluto. “É perceptível a excitação dos animais durante e depois dos exercícios, eles ficam mais ativos e você percebe nitidamente que o animal tem mais interesse no ambiente ao seu redor. Além disso, já constatamos uma mudança na fertilidade e nos resultados reprodutivos da fauna do Parque, que foram melhorados significativamente. Este fator é um dos mais importantes indicadores para medir a qualidade de vida e bem estar dos animais”, conclui.
Que ver bem de pertinho o trabalho de enriquecimento para os animais, é só visitar o Vale V         erde Alambique e Parque Ecológico.  Não deixe de consultar as regras e preços aqui.

 
O Vale Verde é o local ideal para passar o dia com  família, muito contato com a natureza, diversão e aventura. Para matar a fome tem o  Deck Restaurante Vale Verde que possui opções variadas da culinária mineira, nacional e internacional, além de estar localizado em um lugar privilegiado, com uma vista panorâmica do Parque Ecológico. O restaurante oferece um buffet self service com opções de saladas e pratos quentes que incluem massas, carnes e muito mais. Não deixe de experimentar também os doces da fazendas e drinks preparados com a melhor cachaça do Brasil.  
Para quem preferir lanches rápidos a melhor opção é a lanchonete Adega que oferece deliciosos salgados, combos de cachorro-quente e x-burguer e petiscos como o legítimo tropeiro mineiro e a tábua de picanha. E agora a lanchonete Adega tem uma super novidade, é o kit lanche Vale Verde. VALE EXPERIMENTAR!!!
E vale lembrar que o Vale Verde tem o ônibus 3211 que te deixa na porta do parque e você pode pegar no metrô do Eldorado. Consulte os horários aqui.

Para saber mais e se programar para um dia inesquecível com a família utilize um dos nossos meios de comunicação:

atendimento@valeverde.com.br



COMENTÁRIOS

O Vale Verde Parque Ecológico, localizado em Betim, a apenas 42 km da capital, é um dos melhores empreendimentos turísticos para visitação no entorno de Belo Horizonte.

Parque Ecológico com muita natureza, criatório de aves raras e silvestres, como arara azul, ambiente de lazer e diversão para toda a família, restaurante, Parque de Pesca, além de ser a casa da melhor cachaça do Brasil e do Mundo...

Twitter - Clique
Facebook - Clique
Instagram - Clique
Youtube - Clique
Twiiter - Clique Youtube - Clique Instagram - Clique Imaginosfera - Clique